STJ julgará processo de Márcia Lucena e Cláudia Veras na terça-feira

STJ julgará processo de Márcia Lucena e Cláudia Veras na terça-feira

A ministra Laurita Vaz, relatora da Operação Calvário no Superior Tribunal de Justiça (STJ), inseriu, nessa sexta-feira (14), os julgamentos dos habeas corpus da prefeita do Conde, Márcia Lucena (PSB), da ex-secretária de Saúde do Estado, Cláudia Veras, e do advogado Francisco Chagas, na pauta da sessão da Sexta Turma do STJ da próxima terça-feira (18).


No mesmo dia, também será julgado o processo relacionado ao ex-governador Ricardo Coutinho (PSB).

Márcia, Ricardo e Francisco chegaram ser presos no âmbito da sétima fase da Operação Calvário, mas conseguiram liberdade através de uma medida liminar concedida pelo ministro Napoleão Maia, do STJ.

Já Cláudia Veras, que também foi alvo de um mandado de prisão, estava fora do estado e não foi presa. A liminar de Coutinho foi estendida a seu caso, lhe livrando da cadeia.

O Ministério Público Federal (MPF) pede à corte judicial que os investigados sejam presos com urgência para que não interfiram nas investigações.

O grupo é apontado pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) como integrantes de uma organização criminosa que teria desviado cerca de R$ 134 milhões em contratos firmados pelo governo Ricardo Coutinho e organizações sociais que geriam os serviços de saúde e educação na Paraíba.

MAIS PB

    Compartilhe: