Presidente da CPI dos Combustíveis em Campina fala sobre prisão de membro

Presidente da CPI dos Combustíveis em Campina fala sobre prisão de membro

O vereador Alexandre do Sindicato, presidente da CPI dos Combustíveis na Câmara Municipal de Campina Grande, comentou a prisão de Renan Maracajá, colega de parlamento e membro da CPI.



Ele disse, em entrevista à Rádio Campina FM, que o vereador acusado na Operação Famintos da Polícia Federal, tinha se afastado da comissão desde o início do processo, só não tinha sido falado isso em plenário.


Alexandre ressaltou que os trabalhos da CPI irão continuar normalmente e espera que o vereador possa fazer sua defesa e provar a inocência.



– Tudo o que eu sei é o que foi divulgado pela imprensa. Eu me reservo apenas ao conhecimento do que foi exposto. Creio que nosso colega, no tempo certo, provará sua inocência. A Casa e a CPI continuam e não tem motivo para paralisar suas atividades. Vamos continuar com as ações de forma firme e forte – disse.


Paraibaonline

    Compartilhe: