Goleiro paraibano é convocado para a seleção brasileira

Goleiro paraibano é convocado para a seleção brasileira

Campeão da Copa do Brasil, o goleiro Santos, do Athletico, foi uma das novidades da convocação da Seleção brasileira, divulgada pelo técnico Tite nesta sexta-feira. Ele aumenta a lista de goleiros do Furacão chamados à seleção, que já conta com Caju (anos 40), Roberto Costa (80), Neto (2010) e Weverton (2016 e 2017).

Titular absoluto do Athletico desde o ano passado, Santos tem 29 anos e foi um dos protagonistas da conquista do título da Copa do Brasil, mostrando segurança e sendo decisivo nas disputas de pênaltis contra Flamengo e Grêmio.

O camisa 1 do Furacão vinha sendo observado pela seleção e foi elogiado pelo técnico Tite. Ele participará dos amistosos contra Senegal e Nigéria, nos dias 10 e 13 de outubro, em Singapura.

- Ele é um goleiro seguro, discreto e que joga muito bem com os pés. Foram os três adjetivos, fora outras virtudes, o Bruno, que trabalhou com ele, e outras informações de acompanhamentos que tivemos - disse o técnico da Seleção.

Da Paraíba

Aderbar Melo dos Santos Neto carrega no nome uma homenagem ao avô, que era agricultor em Cabaceiras, no interior da Paraíba, a 180km da capital João Pessoa. O goleiro do Athletico-PR é o pilar da família, que mora na cidade conhecida como a Roliúde Nordestina - em referência aos mais de 25 filmes gravados na região. De uma infância pobre, o camisa 1 se tornou hoje um dos principais nomes do Furacão.

Nascido em Campina Grande, terra conhecida por ter o maior São João do mundo, Santos é o filho mais novo dos oito de Seu Severino e Dona Amara. O pai dele era agricultor e trabalhava na roça preparando a terra para a plantação, além de ser também pescador – Santos muitas vezes o ajudou nessa atividade –, enquanto a mãe costurava roupas na luta pelo sustento da família.

Leia mais no Globo Esporte

    Compartilhe: